Blog

Newsletter

Receba informações no seu e-mail.

Redes Sociais

Hã!? Hein!? Pode repetir? Não estou ouvindo!

Hã!? Hein!? Pode repetir? Não estou ouvindo!

O hábito de usá-lo é comum. Ele tem diversos modelos, tamanhos e cores e pode ser visto nos ouvidos das pessoas em diferentes situações. Os fones já estão incorporados à nossa rotina e usamos para ouvir música, falar ao celular, ouvir áudios e jogar em aplicativos nos dispositivos móveis de maneira individualizada e confortável. Mas o que muita gente não sabe é que se expor aos exageros de volume em excesso pode trazer riscos à saúde auditiva.

Atenta ao crescimento dos números e do reflexo da perda auditiva na vida das pessoas e nos impactos no sistema de saúde, a Organização Mundial da Saúde (OMS) lançou a campanha “Ação contra a perda auditiva: faça um investimento seguro”, no último dia 03 de março, Dia Mundial da Audição, que tem como objetivo principal falar da necessidade de tratar o problema com ações eficientes e chamar atenção dos legisladores e da opinião pública para o tema.

De acordo com a OMS, os prejuízos aos pacientes são inegáveis e muito severos, mas também precisamos olhar sob a ótica da economia global. Estima-se que o custo com a perda auditiva seja de US$ 750 bilhões por ano, o equivalente ao tamanho do orçamento da saúde do Brasil e da China juntos.

Atualmente, cerca de 1,1 bilhões de pessoas, entre 12 e 35 anos, correm o risco de terem perdas auditivas irreversíveis em função do uso inadequado do acessório.   Se contabilizarmos os indivíduos que já possuem problemas de audição por causas diversas, teríamos cerca de 360 milhões de pessoas, com a crescente participação de crianças nessa estatística (32 milhões desse total).

E agora? Já está convencido de que você ou alguém que conhece precisa ficar de olho nas dicas do Grupo Case?

block_5 block_6

Atenção! Se você começar a perceber algum desses sintomas, procure a ajuda de um especialista, fonoaudiólogo ou otorrinolaringologista, para fazer um teste auditivo.

block_8 block_9

Fonte:

Organização Mundial da Saúde (OMS) – http://www.who.int/
Organização das Nações Unidas (ONU) – http://www.onu.org.br/
Jornal do Commercio (JC) – http://jconline.ne10.uol.com.br/
Bem Estar – http://g1.globo.com/bemestar/