Blog

Newsletter

Receba informações no seu e-mail.

Redes Sociais

A primeira maratona a gente não esquece!

A primeira maratona a gente não esquece!

Maratonistas de sofá, esqueçam! Não iremos falar de séries!

O assunto aqui é 42 quilômetros e 195 metros. Essa é a distância que deve ser percorrida para você encher o peito e dizer: “Eu completei uma maratona!”.

A corrida é uma prática que está em pleno crescimento no Brasil, o aumento de 20% anual de participações em provas confirma isso. No entanto, apesar de ser uma paixão para os adeptos, para muitos é algo bem distante, seja por falta de tempo, de energia, por não gostar da prática ou até por aquela famosa preguicinha.

São muitos os benefícios da corrida como a diminuição da pressão arterial, a melhora da capacidade cardiorrespiratória e a redução do risco de infarto e AVC. Além desses, a descoberta mais recente atestou que a corrida deixa o sistema circulatório mais jovem.

Mais jovem? Como assim?

Uma pesquisa realizada pelo instituto Barts e pela Universidade de Londres afirmou que a corrida reduz em 9% do enrijecimento da aorta. Na prática isso significa que a mais importante artéria do sistema circulatório, responsável por levar oxigênio para todo o corpo, fica em torno de 4 anos mais jovem!

Mesmo assim você pensa: “Mas eu nunca tive o costume de correr! Como vou mudar isso de uma hora para a outra?”. O treinador de corrida e triatleta Gustavo Luz, colunista de Eu Atleta, te ajuda a superar esse impasse.

“Faça atividades físicas com calma, sem aquela correria de perder peso ou aumentar as distâncias logo. Muitos sedentários se empolgam demais nesse momento com um organismo que ainda não está preparado para tanto esforço. O que pode desencadear uma lesão e acabar com toda a empolgação inicial por ter que parar de treinar. (…) Experimente caminhar por quinze ou vinte minutos, isso já é um começo, e pode ser a motivação que faltava.“

Então vamos aproveitar o início do ano e traçar uma meta? Que tal em 2020 você se preparar para correr uma maratona? 

Se liga nessas dicas para cumprir o objetivo:

  • Logo de início, vá ao médico! Realize exames de sangue e o teste ergoespirométrico, que avalia o nível de aptidão física, o funcionamento do coração e dos pulmões;

 

  • Tenha uma alimentação saudável e equilibrada. Coma de 3 em 3 horas alimentos ricos em carboidratos e proteínas e, beba pelo menos 2,5 L de água por dia. Se possível, recorra ao acompanhamento de um nutricionista;

 

  • Faça parte de um grupo de corrida. Isso ajuda no aumento da motivação e incentivo;

 

  • Prepare-se mentalmente, pois a prova pode demorar entre 2h e 5h, surgindo cansaço e fadiga;

 

  • Corra pelo menos 3 vezes durante a semana, aumentando a distância percorrida semanalmente, sem esquecer dos alongamentos e preparação muscular;

 

  • Não tenha pressa! A preparação física para uma maratona demora entre 5 meses e 1 ano, o recomendado é começar a correr 5 Km, 10 Km e 22 km de forma progressiva e espaçada;

 

  • Dormir também faz parte do treino, uma noite bem dormida (pelo menos 8h) contribui para o rendimento nos treinos e provas.